Fazer a gestão de uma empresa envolve muitas responsabilidades. Além das decisões empresariais internas, existe uma série de leis que as corporações devem seguir. Para isso, o programa de compliance é utilizado para garantir que as empresas sempre estejam de acordo com as normas de regulamentação e com a ética.

Compliance é um termo em inglês que significa agir de acordo com os regulamentos internos e externos das corporações. Ao seguir esse programa, as empresas tomam uma série de medidas para cumprir as normas e evitar receber multas por qualquer situação de irregularidade. É também essencial para alinhar os interesses dos funcionários aos interesses da empresa, garantindo que ajam de forma ética.

Viu como esse programa de compliance é importante para a sua empresa? Quer saber como aplicar? Continue lendo nosso texto e fique por dentro!

Procure um especialista

Para fazer a aplicação do programa e a execução dele na empresa, é essencial contar com um profissional que conheça todas as normas e leis. O especialista pode lhe ajudar a solucionar todas as possíveis irregularidades e a criar as normas internas para a empresa.

O ISO (International Organization for Standardization), por exemplo, é uma série de normas de qualidade para diversos setores do mercado. O ISO 14.001 é voltado para o sistema de gestão ambiental, já o 22.000 é destinado à segurança dos alimentos. Dessa forma, as empresas que estão nesse ramo necessitam agir de acordo com essas regulamentações.

Identifique os possíveis descumprimentos das normas

Os gestores devem identificar se existe algum setor ou atividade da empresa que possa estar fora das normas. Para evitar que isso aconteça, crie equipes que têm o conhecimento das leis e podem regularizar estas questões.

Em empresas que mexem com maquinário pesado, por exemplo, é essencial que os colaboradores façam o uso de alguns equipamentos de segurança, que são determinados por normas. Essa equipe deve fazer visitas periódicas aos setores da corporação para verificar se as normas estão sendo seguidas.

Determine um código de conduta

As empresas não podem apenas ter o conhecimento dessas leis e deixar de aplicá-las. Como citamos anteriormente, quem não cumprir alguma norma pode ser multado por órgãos fiscalizadores, o que pode afetar a produtividade.

Para evitar que isso aconteça, os gestores e os profissionais especializados podem criar o código de conduta da empresa. Esse documento serve para determinar como os funcionários devem se comportar e quais são as penalidades a que eles estão sujeitos a sofrer, caso alguma delas não seja seguida.

Treine os funcionários

Definir o códio de conduta não é o suficiente para as empresas. Quem está trabalhando também precisa ter o conhecimento dessas diretrizes para evitar que elas sejam descumpridas.

Organize eventos corporativos, como seminários, treinamentos e palestras para informar quais são os códigos de conduta que devem ser seguidos. Dessa forma, os colaboradores saberão como agir dentro da empresa e quais são as penalidades para quem não cumprir com as regras.

Seguir as normas e leis definidas pelo governo e pelos órgãos responsáveis é de extrema importância para as empresas. Isso evita que qualquer problema ou multa seja aplicada para a corporação.

O programa de compliance é um requisito que todas as empresas devem adotar para sempre estar seguindo as leis. Gostou do nosso texto? Quer saber quais outras politicas podem ser aplicadas na sua empresa? Leia nosso texto sobre políticas de viagens corporativas!